Por que alguns servos de Deus sofrem enfermidades e não são curados mesmo crendo e orando e recebendo oração?

A cura divina é uma promessa de Deus para os nossos dias e se torna realidade na vida daqueles que crêem e buscam. Mas, com certeza existem casos que desafiam nossa convicção na palavra de Deus. Aqueles casos de pessoas que buscam com dedicação e parece não verem esta promessa se cumprir em suas vidas. Leia mais.

Joshua o Mensageiro

Outro dia assisti a um filme que muito me emocionou. Chama-se "Josué, a esperança tem Um Nome". A história não tem nada a ver com o Josué da Bíblia. Falava sobre um estranho que chegou na pequena cidade de Auburn e mudou a vida de protestantes, judeus e católicos. Ao terminar vi que o filme foi baseado num livro de Joseph F. Girzone. Comprei o livro num sebo e acabei de le-lo. Amei. Sobre o livro.

Perguntas do Retiro de 2009 - Parte 3



  • Depois da queda, o castigo que veio sobre a cobra foi o de rastejar. Por que hoje ela não fala mais, sendo que isso não entrou em seu castigo? É possível uma cobra falar nos dias de hoje?


  • Como saber se aquilo que desejo é desejo de Deus também?


  • Eu amo os meus amigos, até mesmo os não cristãos. Como influenciá-los sem que eles me influenciem mal?


  • Em Apocalipse 13.18 está escrito que quem é inteligente pode descobrir que o número do monstro representa o nome de um ser humano. Que nome é este?


  • Como será o Armagedom?

Perguntas do Retiro de 2009 - Parte 2




  • Qual a diferença entre mundo dos mortos, inferno e lago de fogo?



  • O que fazer para se afastar da prostituição? É pecado sentir desejos carnais?



  • Tenho uma amiga lésbica, o que faço?



  • Por que a internet está destruindo os jovens?

Perguntas do Retiro de 2009 - Parte 1



  • Por que as mesmas histórias são contadas nos evangelhos de formas diferentes?


  • Como fica a salvação de um paciente submetido a uma eutanásia?


  • A Bíblia fala que Deus não é homem para que minta nem filho do homem para que se arrependa. Então por que Deus se arrependeu de ter feito o homem?


  • Como Samuel falou com Saul, sendo que ele estava morto (1 Sm 28.3)?


  • ETs existem?

Esdras ou Neemias?

É interessante notar a diversidade do tratamento de Deus para corrigir certas situações. Quando as pessoas com quem lidamos estão trilhando caminhos que não devem, o que fazer? Leia mais.

A bênção do esquecimento

Paulo nos dá o segredo de avançar: esquecer das coisas que ficam para trás. Ninguém pode crescer e avançar se não receber a bênção do esquecimento. É claro que há coisas da quais Deus não quer que esqueçamos. Mas existem outras que sim, Ele quer que fiquem para trás. Há coisas que são verdadeiras âncoras, que seguram o barco de nossas vidas e impedem que vamos para frente. Leia mais.

O que acontece com a fé?

Jesus disse que sinais iriam acompanhar aqueles que crêem (Mc 16.17). E Ele disse alguns dos sinais que acompanhariam aqueles que crêem: expulsão de demônios, cura dos enfermos, o ressuscitar os mortos. Milagres são para os nossos dias sim! Mas, muitas vezes, o que vemos é que, quando um trabalho se inicia em locais onde o evangelho nunca foi pregado antes, a ocorrência de milagres é muito maior do que onde já se encontram cristãos de longa data. Por que acontece assim? Leia mais.

Quando o vinho se acaba

Jesus foi convidado a uma festa de casamento e atendeu ao convite. Uma festa representa a vida humana, ou o que o homem gostaria que sua vida fosse. Todos desejamos que nossa vida seja uma festa, cheia de alegria e movimento. Porém, num determinado ponto da festa o vinho acabou. Muitos têm experimentado o momento em que o vinho de suas vidas acabou. Acabou a alegria de viver. Tudo ficou sem graça e sem sentido. A vida que era uma festa perdeu a alegria. Leia mais.

Louvor ou bajulação

Um homem veio até Jesus com o que parecia ser as atitudes mais corretas possíveis. Ele veio correndo, se ajoelhou, chamou Jesus de Bom Mestre. Aquele moço tinha tudo para receber um elogio do Senhor Jesus. Mas, ao invés disso, Jesus o repreendeu. Isso porque Jesus não viu na atitude daquele homem nada de adoração ou de respeito. Aquele homem na verdade estava com bajulação. Leia mais.

Os pobres de espírito e o espírito de Laodicéia

Jesus disse que os que são pobres de espírito é que são verdadeiramente felizes. Os pobres de espírito são aqueles que sabem que dependem de Deus. Isto é o contrário daquilo que a igreja de Laodicéia vivia. Lá se dizia: “rico sou e não tenho falta de nada” (Ap 3.17). Este espírito faz com que a pessoa se feche para tudo aquilo que poderia receber, uma vez que se sente abastecido. Leia mais.

A Igreja e a Revolução dos Bichos

A algum tempo li o livro “A Revolução dos Bichos” de George Orwell. Apesar do livro ter sido escrito como uma sátira à revolução russa de 1917, é difícil não fazer alguns paralelos com a história da igreja e suas “revoluções”. Leia mais.

Quando o meninão ficar velho

Quando você era moço, você se aprontava e ia para onde queria. Mas eu afirmo a você que isto é verdade: quando for velho, você estenderá as mãos, alguém vai amarrá-las e o levará para onde você não vai querer ir. Ao dizer isso, Jesus estava dando a entender de que modo Pedro ia morrer e assim fazer com que Deus fosse louvado. Então Jesus disse a Pedro: —Venha comigo! Jo 21.18,19. Leia mais.

Os que sentarão à mesa no Reino

Deus quer encontrar fé no meio do seu povo, pois sem fé é impossível agradá-lo. Mas acontece que, muitas vezes, o tipo de fé que Deus quer encontrar no seu povo Ele acaba encontrando em pessoas que não fazem parte da instituição. Leia mais.

O lugar do sal

Jesus falou do poder de influência do seu povo quando estes se encontram na situação desejada por Ele. O Desejo de Deus é que seu povo seja o sal que dá sabor e preserva a humanidade, isto é, através do Seu povo, Deus quer influenciar a humanidade e transformar a mundo. Leia mais.

Quando o arbusto se torna árvore

Estou assistindo a televisão e vejo um homem pregando diante de uma multidão. É um homem rústico no falar. Sua palavra é simples, mas ungida. As pessoas parecem nem respirar escutando as palavras do pregador. É preciso ouvi-lo, pois o poder de Deus está sobre ele. Eles viram isso através dos milagres que presenciaram naquele dia. Num determinado momento ele tira a gravata e joga no meio do povo. Começa um verdadeiro empurra-empurra para pegar a gravata do ungido do Senhor. Por fim, a mulher que foi mais esperta ficou com o prêmio e se emociona com isso. Diante do olhar invejoso das que não conseguiram pegar a gravata, ela passa-a no rosto e enxuga as lágrimas de emoção. Em seu coração, ela tem certeza que será curada, pois se Deus usou os lenços e aventais de Paulo para curar, com certeza usará a gravata deste homem sincero e cheio do Espírito Santo. Algumas considerações me vêm à mente... Leia mais.
 
^ BlogBlogs.Com.Br